Enquanto isso em Campo Grande…

A partir do dia 22 de junho, a Prefeitura de Campo Grande autoriza as academias e profissionais de Educação Física, a dobrar o limite de lotação da capacidade de seus recintos, de 30% para 60%. A medida foi publicada na edição desta terça-feira (16) do Diário Oficial de Campo Grande (Diogrande).

Mesmo com a alteração, continuam valendo as regras do Decreto n. 14.256, de 17 de abril de 2020, onde estabelecem que os exercícios sejam realizados na maior distância possível entre os alunos.  Os professores terão de orientá-los a manter distância mínima de 5 metros entre os praticantes,  com uma área de 20m² para cada um, no caso de atividade de corrida, os praticantes devem manter uma distância mínima de 10 metros.

Pelo decreto, continuam valendo as recomendações relacionadas a higienização da academia e aparelhos, como uso de máscaras e luvas por parte dos professores, aferição da  temperatura corporal do praticante e revisão do modelo dos bebedouros. Os locais terão de ficar arejados e com boa ventilação. Os atendimentos devem ser agendados de forma a evitar a aglomeração. Antes e no final do treino é obrigatório, disponibilizar álcool em gel 70% e toalha descartável, para as higienizações.

Campo Grande tem 718 unidades de Academias e Estúdios e soma 4.955 profissionais de educação física registrados no Conselho Regional de Educação Física de MS. Com o retorno das academias os agentes do município que estão na fiscalização do comércio também atuarão nestes estabelecimentos, e caso as medidas sejam desrespeitadas, a pessoa ou empresa poderá responder criminalmente por desobedecer às medidas sanitárias.

Deixe seu comentario

Insira seu comentario
insira seu nome aqui