A armadilha da obsessão

Ao mesmo tempo que vemos o bodybuilder crescer

Vemos também o crescimento de fatalidades. O esporte tem se fortalecido no Brasil no âmbito geral, mas como qualquer esporte de alta performance é necessário cuidado com a questão dos limites.

Muitas vezes a ganância de vencer extrapola o sentido da vida. Atletas vivem para superar e desafiar-se, mas nunca eliminar suas chances de competição, isso já seria sabotar-se. Mas é o que tem acontecido, muitas vezes cegos pela obsessão muitos jovens desafiam sua própria vida.

Nas últimas semanas, ouvimos à respeito de duas mortes em nosso meio. Ambos jovens, cheio de vida e perspectivas dentro do esporte. Nada diferente do que qualquer jovem sonhador, buscando realizar-se nos palcos; mas que foi interrompido por atitudes inconsequentes.

O corpo cobra e o coração não dá segunda chance. O abuso de estimulantes tem sido algo intrínseco ao crescimento do esporte, em busca de aumentar o rendimento cada vez mais jovens no auge do seu rendimento biológico buscam alternativas para ultrapassarem seus limites.

Muitos sobrevivem com sequelas como vícios ou limitações físicas. Outros pagam com a própria vida. Viver perigosamente não faz parte do fisiculturismo, o esporte se baseia em respeitar a evolução gradual de seu corpo e mente a longo prazo.

Acelerar esse progresso além de ser antinatural e desafiar sua saúde, não garante resultado. Um esporte que depende do olhar de outrem é complexo e distinto, não é como o atletismo que se você bater um recorde seu retorno está garantido, ou mesmo cruzar a linha de largada em primeiro.

Portanto, respeite sua vida, respeito o seu tempo. Muitos exemplos de atletas que estão atingindo seu auge aos 40 anos estão surgindo, por isso prolongue ao máximo sua evolução e curta o processo.

E você que é amigo de verdade de alguém que está trilhando esse caminho sem volta, alerte essa pessoa. Não apoie acreditando que isso é apoiar o esporte, pois não é. A vida é uma só então aja com sabedoria para com você e seu próximo, pois apoiar o esporte é apoiar vidas.

device][/device]